Ele: Eu gosto.
    Ela: Gosta? Do que?
    Ele: De beijos.
    Ela: Beijos?
    Ele: Sim. Quer dizer, na verdade gosto do seu.
    Ela: Como assim gosta do meu? Você nunca me beijou.
    Ele: Ainda vou beijar. Só estou tentando me fazer de difícil, as pessoas gostam do que acham que não podem ter, elas se apegam e se apaixonam.
    Ela: Impossível.
    Ele: Porque? Você é difícil?
    Ela: Sim, quer dizer, só quando quero alguém só pra mim, sei lá pessoas gostam de correr atras do que acham que não tem. Até que se apaixonam e se apegam.
    Ele: E como vocês sabe disso?
    Ela: Aprendi com um carinha ai, a uns minutos atras.
    Ele (sorri).
    Ela (sorri).
| Postado em 26/07/2014 às 11:06am com 2586 notes! (via/source) | Reblog!

Não consigo desistir de você, essa é a verdade. Não adianta negar, fingir ou tentar esconder. Você ainda fode com meu psicológico.

Pedro Pinheiro. (via cuidei)
| Postado em 26/07/2014 às 10:05am com 34426 notes! (via/source) | Reblog!

Deixa eu dizer que te amo
Deixa eu pensar em você
Isso me acalma, me acolhe a alma
Isso me ajuda a viver…

Marisa Monte (via auroriar)
| Postado em 25/07/2014 às 9:39am com 32934 notes! (via/) | Reblog!

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o “alguém” da sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você. O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você. No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Mário Quintana. (via auroriar)
| Postado em 24/07/2014 às 8:04am com 24770 notes! (via/) | Reblog!

E às vezes no silêncio do meu dia, no momento mais conturbado da minha alma, paro pra pensar em quando tudo isso começou. Eu sei, todos nós desperdiçamos oportunidades, chances, pessoas, amores… Mas de alguma forma, quando eu te conheci, eu sabia que seria você. Talvez tenha demorado pra perceber, mas o fato foi que percebi e naquele momento eu tive a certeza de que não podia te perder. Eu temia que fosse amor. Mas, de repente me senti tomada por algo mais forte que eu e de alguma forma você teria que ser meu.

Tati Bernardi. (via auroriar)
| Postado em 23/07/2014 às 8:04pm com 22977 notes! (via/) | Reblog!

Temos a mania de achar que amor é algo que se busca. Buscamos o amor nos bares, buscamos o amor na internet, buscamos o amor na parada de ônibus. Como num jogo de esconde-esconde, procuramos pelo amor que está oculto dentro das boates, nas salas de aula, nas plateias dos teatros. Ele certamente está por ali, você quase pode sentir seu cheiro, precisa apenas descobri-lo e agarrá-lo o mais rápido possível, pois só o amor constrói, só o amor salva, só o amor traz felicidade. Há quem acredite que amor é medicamento. Pelo contrário. Se você está deprimido, histérico ou ansioso demais, o amor não se aproxima, e, caso o faça, vai frustrar sua expectativa, porque o amor quer ser recebido com saúde e leveza, ele não suporta a ideia de ser ingerido de quatro em quatro horas, como um antibiótico para combater as bactérias da solidão e da falta de auto-estima. Você já ouviu muitas vezes alguém dizer: “Quando eu menos esperava, quando eu havia desistido de procurar, o amor apareceu”. Claro, o amor não é bobo, quer ser bem tratado, por isso escolhe as pessoas que, antes de tudo, tratam bem de si mesmas. O amor, ao contrário do que se pensa, não tem de vir antes de tudo. Antes de estabilizar a carreira profissional, antes de fazer amigos, de viajar pelo mundo, de curtir a vida. Ele não é uma garantia de que, a partir de seu surgimento, tudo o mais dará certo. Queremos o amor como pré-requisito para o sucesso nos outros setores, quando, na verdade, o amor espera primeiro você ser feliz para só então surgir, sem máscara e sem fantasia. É esta a condição. É pegar ou largar. Para quem acha que isso é chantagem, arrisco-me a sair em defesa do amor: Ser feliz é uma exigência razoável, e não é tarefa tão complicada. Felizes são aqueles que aprendem a administrar seus conflitos, que aceitam suas oscilações de humor, que dão o melhor de si e não se auto-flagelam por causa dos erros que cometem. Felicidade é serenidade. Não tem nada a ver com piscinas, carros e muito menos com príncipes (ou princesas) encantados(as). O amor é o prêmio para quem relaxa. As pessoas ficam procurando o amor como solução para todos os seus problemas quando, na realidade, o amor é a recompensa por você ter resolvido os seus problemas.

Martha Medeiros. (via garotaesuasfases)
| Postado em 23/07/2014 às 7:00pm com 1512 notes! (via/source) | Reblog!

é 8 ou é 80, ou soma ou some, ou fode ou sai de cima, ou fica comigo ou me deixa te superar.


| Postado em 21/07/2014 às 8:17am com 8696 notes! (via/source) | Reblog!

Eu só queria alguém pra vencer comigo esses dias terrivelmente chatos.

Tati Bernardi.   (via garotaesuasfases)
| Postado em 17/07/2014 às 4:43pm com 958 notes! (via/) | Reblog!

tudo é
denso
tenso
imenso
quando
penso.

Eu me chamo Antônio. (via cuidei)
| Postado em 15/07/2014 às 7:17pm com 24519 notes! (via/source) | Reblog!

Não quero mais um amor, quero alguém que me entenda até quando eu mesmo já não consiga fazer isso. Não quero frases prontas, aliança e rosas vermelhas. Quero um abraço em silêncio com falta de ar. Não quero ter que mostrar o caminho sozinho, quero aprender a não se importar tanto com a direção.

Depois dos quinze.    (via garotaesuasfases)
| Postado em 15/07/2014 às 7:14pm com 2924 notes! (via/source) | Reblog!

Página 1 de 283 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 »